quarta-feira, 5 de maio de 2010

Naturalmente frutose...

 

A fruta cresce, 
está na saia, está na bolsa;
tão logo do pé desaparece;
calabouço é a barriga
da criança que enche a pança;
e mal  sabe: a fruta é doce para a formiga?
Ou amarga feito bom café?...
Açúcar das frutas, mais doce dos doces!...
Quer? Ou não quer?

*****************************

"Mas é doce morrer nesse mar de lembrar
E nunca esquecer
Se eu tivesse mais alma pra dar
Eu daria, isso pra mim é viver"
DJAVAN

3 comentários:

  1. Provar um pouco dessa ou daquela faz de nós saborea-dores.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Ah, Lara!

    Que maravilha!

    Sim... exatamente separado... e junto!... Contraditório como a vida!...

    Beijos =)

    ResponderExcluir

... Falta a sua pitada!...